Pouso Alto

A cidade de Pouso Alto, localizada na Serra da Mantiqueira, no Sul de Minas Gerais, é historicamente conhecida por fazer parte do desenvolvimento do Brasil, já que suas terras foram pouso para diversos bandeirantes, como Fernão Dias Paes Leme, conhecido como o caçador de esmeraldas, e Matias Cardoso. Assim, os bandeirantes passaram a chamá-la de Pouso Alto, devido ao seu clima e localização, que fez da cidade o ponto de descanso favorito para os bandeirantes na região. Afinal, não é para menos: a região tem beleza exorbitante e recursos naturais inestimáveis, como a água.

No ano de 1673, as bandeiras de Piratininga e Taubaté foram as primeiras a romper a mata da Serra da Mantiqueira e chegar ao território de Pouso Alto à procura de ouro. Porém, encontraram uma comunidade de índios Goitacazes à beira do rio que, até hoje, cruza a cidade. Dois anos depois, em 1675, o paulista João dos Reis Cabral fundou Pouso Alto e obteve a sesmaria das Terras Altas. Já em 1874, Pouso Alto tornou-se município e, quatro anos depois, passou ao título de Comarca.

Entre as históricas construções da cidade, está a Igreja Matriz de Nossa Senhora da Conceição, construída em 1752, no local de uma capela erguida por Antônio Delgado. Foi também de Delgado a bandeira fincada no topo do morro onde localiza-se o tradicional Hotel Serra Verde.